Posts

Nos últimos anos houve um aumento significativo de pessoas em busca de terapia para lidar com o estresse e a ansiedade relacionado ao ambiente de trabalho.

Os motivos apesar de variados, se repetem já nas primeiras sessões: Leia mais

A maioria as pessoas sofre em alguma medida com sintomas ansiosos. Começa com uma preocupação, geralmente com algo relacionado ao futuro, ou seja, algo que não aconteceu. Essa preocupação pode ficar exagerada, crônica, e levar a uma crise de ansiedade. Preocupação não é ruim, pelo contrário, se preocupar com o resultado de alguma coisa pode nos impulsionar a agir e evitar situações danosas. No entanto se a preocupação é exagerada, o efeito pode ser contrário: paralisar e não conseguir chegar a uma solução.

Seja por qual for o motivo, eis aqui algumas dicas para driblar a ansiedade no dia da dia: Leia mais

Quem está sofrendo com alto grau de ansiedade costuma ter os seguintes comportamentos: fugir; evitar; deixar para depois; procrastinar…

Mas o que essas pessoas não sabem é que estas são formas de potencializar a ansiedade. Assim, o antídoto é tomar a frente e lidar com a questão, para perceber que tem forças SIM para enfrentar o problema. Leia mais

Partindo do pressuposto de que ansiedade pode ser um estado emocional bastante limitador, o tratamento da ansiedade se faz necessário para uma rotina mais tranquila e produtiva.

Ansiedade deriva da emoção medo, portanto, toda vez que sentimos medo ativamos sintomas ansiosos. Neste exato momento, uma em cada quatro pessoas no mundo está vivenciando um medo inexplicável, uma preocupação excessiva e irracional com algo que nem aconteceu ainda e que talvez nem vá acontecer. Dependendo do estágio e grau as consequências vão desde tirar o sono do indivíduo e impedir de agir em situações de tomada de decisões simples, a deixa-lo mais predisposto a sofrer de enfermidades cardiovasculares e até mesmo priva-lo de sair de casa quando o medo atinge níveis incontroláveis. Leia mais