Encarar uma separação nem sempre é uma tarefa fácil. Afinal, quando entramos em uma relacionamento nunca estamos pensando em nos separar. Algumas situações em um relacionamento, no entanto, acabam levando ao desgaste emocional e, consequentemente, à separação. Mas você sabe como pode superar o divórcio e amenizar o sofrimento do processo?

Embora possa ser doloroso para ambas as partes, uma separação pode também ser o caminho para uma vida melhor e mais feliz. Insistir em um relacionamento que não funciona como antes pode frustrar ambas as partes e trazer infelicidade para ambos os cônjuges. Com isso, as discussões e até mesmo ofensas tornam-se constantes e o ambiente acaba ficando tóxico tanto para o casal, quanto para os filhos.

confira no texto abaixo 16 dicas para superar o divórcio

confira no texto abaixo 16 dicas para superar o divórcio

Pensando nisso, separamos 16 dicas para lhe ajudar a superar o divórcio e não sofrer tanto durante o processo de separação. Confira a lista abaixo.

1- Não fique pensando no passado

Evite pensar o tempo todo no passado como as coisas que vocês viveram juntos e as causas da separação. Isso pode acabar resultando em uma angústia seguida de culpa em si mesmo, além de abrir portas para pensamentos vingativos e esperanças vazias de reconciliação.

Esses tipos de pensamentos fazem que você fique preso no cônjuge e não consiga superar o divórcio com o passar do tempo. Tenha em mente que o que passou, passou. E que agora é hora de olhar para frente e pensar no futuro.

2- Viva todas as fases de uma separação

Apesar de algumas pessoas acharem um exagero, um término de relacionamento pode se assemelhar bastante ao sentimento de luto, uma vez que você acaba perdendo uma pessoa que fazia parte do seu dia a dia.

Superar o divórcio sem passar por essa fase pode piorar a situação. Isso porque é nesse momento de luto em que você chora e se permite ficar triste com o que está acontecendo, conversar com amigos sobre o assunto etc.

Quando você deixa de viver tudo isso, pode acabar guardando o sentimento apenas para você, e mais para frente, se sentir pior com a sensação de estar tudo entalado dentro de si.

Mas tenha em mente que esse período dura pouco tempo. Caso você se sinta dessa maneira por muitas semanas seguidas, talvez esteja na hora de procurar ajuda profissional para conseguir lidar com a separação.

3- Desabafe sempre que possível

Uma grande dica para superar o divórcio é se rodear de amigos e familiares que querem o seu bem, já que nesse momento será essencial desabafar sobre o que está sentindo e o que está te fazendo mal.

caso você não se sinta à vontade para conversar com amigos e familiares, você pode optar por procurar a ajuda de um psicólogo

caso você não se sinta à vontade para conversar com amigos e familiares, você pode optar por procurar a ajuda de um psicólogo

Caso não se sinta à vontade para conversar sobre isso com pessoas conhecidas, você também pode procurar um psicólogo para conversar periodicamente e desabafar enquanto passa pela separação.

4- Cuide da sua autoestima

Não é porque o seu relacionamento acabou que você perdeu todas as suas qualidades de quando era uma pessoa solteira. Mantenha sua autoestima elevada e aproveite esse tempo para resgatar hobbies, preferências e gostos que acabaram ficando para trás durante o casamento.

5- Seja sempre positivo

É natural sentir raiva do outro enquanto tentamos superar o divórcio. Mas experimente se esforçar para eliminar os pensamentos negativos e foque apenas nas coisas boas que estão acontecendo com você neste momento. Com certeza será muito recompensador e você se sentirá bem melhor no final do dia.

Caso você não consiga pensar em nada que lhe alegra durante o divórcio, tente pensar em coisas boas para o futuro, fazer planos e ser positivo quanto a tudo que está por vir na sua vida.

6- Nunca se automedique

Se você alguma vez já se pegou com sentimentos ruins como ansiedade e depressão, é melhor procurar ajuda profissional ao invés de tomar remédios por indicação de amigos ou parentes.

nunca tome medicamentos sem antes consultar um especialista

nunca tome medicamentos sem antes consultar um especialista

Os medicamentos que fazem bem para uma pessoa podem acabar fazendo muito mal para a outra. Caso você opte por ingerir algo para se sentir melhor e diminuir a ansiedade, procure sempre coisas naturais como chás de camomila e alecrim, e suco de maracujá.

7- Cuide do seu visual

Sabe aquele corte de cabelo que você sempre achou bacana mas nunca teve coragem de usar por causa do ex? Aproveite o momento para renovar o seu estilo. Mude o corte e a cor dos cabelos, compre roupas novas que têm mais a ver com o momento em que você está vivendo e invista em acessórios que refletem a sua personalidade.

Porém, mantenha os pés no chão e não fuja do orçamento. Um problema financeiro nesse período não seria nada legal.

8- Conheça pessoas novas

Isso não significa necessariamente conhecer uma pessoa nova para se relacionar. Novas amizades podem lhe ajudar a esquecer e superar o divórcio com mais facilidade, já que terão assuntos diferentes e variados para conversar.

frequente lugares diferentes para conhecer pessoas novas e se distrair mais facilmente

frequente lugares diferentes para conhecer pessoas novas e se distrair mais facilmente

Experimente frequentar novos lugares que sejam diferentes daquilo que você está acostumado. Certamente você encontrará muitas pessoas legais para lhe fazer companhia.

9- Evite entrar nas redes sociais com frequência

As redes sociais é, sem sombra de dúvidas, um dos meios de comunicação mais usado para trocar indiretas, falar mal das pessoas, induzir o ciúmes e até mesmo difamar um ao outro. Além disso, é comum sentir vontade de dar uma olhada no perfil do ex para saber se ele já está com outra pessoa, se está frequentando festas etc.

Fique longe das redes sociais e de atitude como essas. Pense primeiramente em você e siga a sua vida sem ficar voltando ao passado o tempo todo. Foque no futuro e em tudo o que você ainda tem para viver com outras pessoas e sozinho.

10- Não deixe o outro mandar na sua vida só porque paga pensão

No caso das mulheres, é muito comum vermos situações em que o ex é totalmente controlador e não respeita a privacidade da ex-companheira. Mesmo que você seja economicamente dependente dele, isto é, ele é o responsável por bancar as contas principais e os gastos com a criança, não significa que ele tem direito de visitar a sua casa sem avisar e a hora que quiser, nem que tem direito de decidir quando você pode sair sozinha e que horas deve voltar.

11- Não leve os problemas do lar para o seu ex

Se vocês tiveram filhos, naturalmente manterão contato após o término. No entanto, evite ligar a todo instante para informar o outro de pequenos problemas sobre a criança.

ligar para o ex-parceiro para falar sobre pequenos problemas que poderiam ser resolvidos individualmente, pode ser uma desculpa para conversar e entrar em contato com mais frequência do que o necessário

ligar para o ex-parceiro para falar sobre pequenos problemas que poderiam ser resolvidos individualmente, pode ser uma desculpa para conversar e entrar em contato com mais frequência do que o necessário

Isso pode servir apenas de desculpa para você falar a todo momento com seu ex parceiro. Faça ligações apenas para assuntos importantes.

12- Não procure um novo relacionamento logo após a separação

Superar o divórcio não significa começar um novo relacionamento logo em seguida. Muitas pessoas acreditam que a felicidade só pode ser encontrado no outro, e, depois de viver anos dividindo tarefas, você pode sentir uma grande necessidade em encontrar outra pessoa.

Porém, tenha em mente que você só estará pronto para entrar em um novo relacionamento quando conseguir superar a separação e se estabilizar emocionalmente.

13- Jogue todas as lembranças fora

Faça uma faxina na casa e separe tudo o que você ganhou do seu parceiro, ou que ele acabou deixando na casa por não querer mais. Roupas, acessórios, perfumes, fotos e cartas só servirão para alimentar uma esperança de reconciliação que lhe fará mal.

Jogue tudo fora ou doe para pessoas necessitadas.

14- Faça uma mudança na rotina

Encare novos desafios e faça coisas diferentes como iniciar um curso novo, praticar um esporte que você não está familiarizado ou começar um hobby diferente. Tudo o que fizer você sair da rotina contribuirá para você esquecer a vida que tinha a dois e manterá a sua mente ocupada. Dessa forma, será mais difícil ficar pensando no passado o tempo inteiro.

15- Nunca fale mal do outro para as crianças

Por mais que você ainda sinta mágoa e não tenha conseguido superar o divórcio, não é legal passar isso para os filhos. Afinal, o problema está entre o casal, e não entre o ex e a criança.

lembre-se que falar mal do seu parceiro para os filhos poderá fazer com que eles sofram mais ainda com a separação

lembre-se que falar mal do seu parceiro para os filhos poderá fazer com que eles sofram mais ainda com a separação

Leve em consideração que os filhos também estão sofrendo com a separação, e falar mal do outro pode até mesmo piorar os sentimentos do pequeno.

16- Procure apoio profissional sempre que necessário

Ao notar que você não obteve progresso e não consegue superar o divórcio, não hesite em procurar ajuda de um profissional. É normal algumas pessoas sofrerem mais do que outras e enfrentarem problemas diferentes durante o término de um relacionamento. E muitas vezes, apenas a ajuda de um profissional pode melhorar a situação e amenizar os efeitos do divórcio.

Viu como pode ser menos doloroso superar o divórcio? Aplique tudo o que você aprendeu neste post em sua vida para amenizar a angústia da separação. Caso precise de ajuda para resolver os assuntos jurídicos do divórcio, entre em contato no site Anna Luiza Ferreira, advogada de família, e fale com um especialista.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *